View Blog 198
View Blog 198

Market Update 05/03/2021

update 2

Indicadores e números do pregão de 04/03/2021

cotacoes 05

Dia de Payroll (EUA): Atenção, trader! Hoje às 10:30 (horário de Brasília) ocorre a divulgação do Payroll, os dados de folha de pagamento não-agrícola dos EUA, o principal indicador de emprego do país. Horário de possível volatilidade no mercado!

mercado

Ibovespa deve sentir efeitos do exterior sem novidades sobre PEC emergencial

No pregão da última quinta-feira (04), o Ibovespa navegou solitário pelos mares verdes. Descolado do exterior, o principal índice da B3 foi motivado pela aprovação da PEC emergencial no Senado e encerrou o dia com ganhos de 1,35%, aos 112.690 pontos. O dólar à vista ensaiou uma subida, mas também terminou em leve queda de 0,11%, aos R$ 5,658. O noticiário interno, até que se prove o contrário, não deve trazer grandes emoções para o Ibovespa. Já o exterior pode influenciar negativamente o índice, com as principais bolsas do mundo em queda. Saiba mais em Seu Dinheiro.

Ações de bancos sobem forte, enquanto Petrobras avança 4%; Cia. Hering e Rumo saltam até 9% com resultados

Depois da sessão de forte volatilidade na última quarta-feira, o Ibovespa teve um pregão de ganhos, impulsionado principalmente pelos papéis das ações de bancos. No radar do mercado, está o maior alívio dos investidores após o Senado aprovar em primeiro turno a PEC Emergencial. Bradesco (BBDC3, R$ 21,35, +3,34%; BBDC4, R$ 23,91, +3,87%), Banco do Brasil (BBAS3, R$ 30,04, +3,62%), Itaú (ITUB4, R$ 26,64, +3,14%) e Santander Brasil (SANB11, R$ 38,75, +2,89%) registraram ganhos entre 2% e 4%. Saiba mais em Infomoney.

politica

“Eu sou o maior acionista da Petrobras”, diz Bolsonaro ao falar da estatal

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender nesta 5ª feira (4.mar.2021) as mudanças realizadas no comando da Petrobras. Em uma live nas redes sociais, ele negou que esteja interferindo na estatal, mas afirmou que o futuro presidente da empresa fará o trabalho que o atual, Roberto Castello Branco, não fez. A mudança na Petrobras veio depois de sucessivas altas nos preços dos combustíveis, que geraram insatisfação em setores que apoiam Bolsonaro. Saiba mais em Poder 360.

destaques nacionais

Petróleo acelera para novo recorde e vai ampliando defasagem da gasolina

Depois de fechar na máxima de mais de um ano na quinta, com expansão de 4,2%, o petróleo está com fôlego renovado nesta sexta (5), e quer mais. Dispara novamente na bolsa de Londres, onde o barril do Brent está subindo mais de 2.20%, a US$ 68,12, às 8h05 (Brasília). Ontem, a gasolina já apresentava defasagem de R$ 0,32 sobre a paridade internacional. E gera expectativa de novo anúncio de aumento da Petrobras (PETR4). O cenário repete a repercussão da reunião dos países produtores e seus aliados, agrupados na Opep+, que decidiram manter os cortes na produção que estão em vigor. Saiba mais em Money Times.

destaques internacionais

Morgan Stanley vê salto da demanda global puxada por EUA e Ásia

Dados de alta frequência apontam para um aumento repentino da demanda que impulsionará a economia mundial, puxada por gastos dos consumidores nos Estados Unidos e investimentos corporativos na Ásia, de acordo com economistas do Morgan Stanley. O crescimento global deve alcançar 7,4% no segundo trimestre, disseram economistas do banco liderados por Chetan Ahya em relatório. Saiba mais em Bloomberg (via Microsoft News).