large View Blog 043 1
large View Blog 043 1

Planejamento financeiro familiar: 3 dicas para investir melhor o seu dinheiro

Realizar o planejamento financeiro familiar é uma tarefa que requer muita organização e cuidado. Além dos custos mensais, o futuro é uma preocupação constante e que exige planejamento.

Os investimentos são parte fundamental ao pensar no bem-estar de todos em longo prazo, especialmente, no futuro dos filhos. Além disso, é importante fazer uma gestão eficiente de gastos e despesas no cotidiano.

Este post vai trazer três dicas valiosas para que seu planejamento financeiro familiar seja eficiente, com boa administração e com foco nos investimentos futuros. Confira!

1. Calcule as despesas fixas mensais e reserve dinheiro para elas

Toda família tem suas despesas fixas que, mês após mês, vão consumir uma parte de seus rendimentos. Para conseguir custear isso com tranquilidade, a primeira coisa a ser feita é contabilizar qual o custo total dessas contas fixas.

Energia, água, condomínio, prestações de carros ou imóveis, escola das crianças, compras do mercado e algumas outras despesas estão sempre ali. Algumas são fixas e outras variam, mas sempre é possível estimar uma média.

Pense sempre no seu orçamento mensal incluindo todas essas despesas. Elas são prioridades e precisam estar sempre bem contabilizadas, devendo ser seus primeiros gastos todo mês.

2. Defina orçamentos específicos

O rendimento total que uma família tem em um mês deve ser bem direcionado. Para que não haja gastos excessivos e todas as despesas sejam controladas, é importante definir orçamentos específicos para saber o quanto está sendo endereçado para cada necessidade.

Se sua família, por exemplo, tem o hábito de almoçar fora aos finais de semana e você não quer que isso seja uma despesa excessiva, defina um orçamento. Assim, você não vai ultrapassar o que propôs, ainda que isso signifique fazer essa atividade menos vezes.

Definindo orçamentos você consegue separar uma parte dos seus rendimentos que será direcionada para um fundo de emergência e qual montante será encaminhado para seus investimentos. Respeitando esses cálculos, nenhuma despesa será deixada de lado e o dinheiro sempre será distribuído de forma coerente. Essa também é uma ótima maneira de economizar.

3. Invista pensado no futuro

Estar à frente de uma família não é somente pagar contas e se preocupar em manter tudo em ordem no dia a dia. É preciso pensar no futuro e em como uma situação financeira confortável vai fazer diferença mais para frente.

Para quem tem filhos, esse exercício é fundamental. Custear estudos de qualidade na infância e adolescência, além da universidade, é um desejo que pais sempre têm. Além disso, até que eles atinjam a independência financeira, será necessário ajudar.

A aposentadoria também é um fator importante. Ter que trabalhar além do desejado pode ser uma experiência ruim. É fundamental chegar à terceira idade com conforto e sem se preocupar em como fazer, mas sim em como manter o dinheiro.

Os investimentos são imprescindíveis para o planejamento financeiro familiar em longo prazo. Com boas aplicações em ações e fundos de investimento, é possível atingir objetivos como adquirir imóveis e bens de valor, conseguir rendimento mensal e uma reserva confortável para o futuro.

A organização e o acompanhamento adequado do seu dinheiro são fundamentais para conseguir um planejamento financeiro familiar de qualidade. Dessa maneira, é possível viver bem o presente e ter conforto no futuro, oferecendo o melhor a si mesmo e aos seus filhos.

Gostou dessas dicas? Você pode ter acesso a mais posts como este nos seguindo no Facebook, LinkedIn e Twitter. Não perca tempo!