View Blog 172
View Blog 172

Quer atuar no mercado financeiro? Então veja por onde começar!

De fato, começar a atuar no mercado financeiro sem experiência prévia ou formação específica na área não é fácil. São inúmeras dúvidas e dificuldades, seja com os jargões técnicos, com ter de adequar expectativas, com lidar com a ansiedade por resultados etc.

Mas, caso você se dedique a aprender e consiga aplicar, ao menos, parte do seu dia para operar, todas essas dificuldades lhe recompensarão financeiramente de uma forma que poucas áreas conseguem em tão pouco tempo.

Para lhe ajudar, a seguir veremos as respostas para algumas das dúvidas mais comuns de investidores iniciantes. Mas saiba que este é só o começo de uma longa jornada de dedicação e aprendizado! Então, vamos lá?

Quanto dinheiro eu preciso para começar?

Talvez essa seja a primeira dúvida que lhe vem à mente. Afinal, no mercado financeiro, dinheiro faz dinheiro. Ainda assim, você não precisa de muito.

Com menos de mil reais já é possível executar suas primeiras operações de compra e venda, e ir se familiarizando com o funcionamento do mercado. Assim, conforme for adquirindo experiência, aprendendo com os erros e ganhando autoconfiança, você terá mais segurança para aumentar o capital investido, caso tenha essa possibilidade.

Em quais aplicações devo investir?

As aplicações mais comuns no mercado de renda variável são as de ações, câmbio, ouro e derivativos, e cada uma tem sua própria dinâmica e particularidades.

É bom que você tenha um contato inicial com todas elas, para questões de aprendizagem e para saber qual se adéqua melhor ao seu estilo e objetivos. Além disso, diversificar suas aplicações trará mais segurança, embora demande mais tempo para acompanhar as informações do mercado.

Nesse sentido, saber dosar entre diversificação e concentração é importante para não correr riscos muito altos e, ao mesmo tempo, não formar uma carteira de investimentos complexa demais e difícil de acompanhar.

Preciso de uma corretora?

Se você quer investir no mercado financeiro, você precisará de uma corretora. E aqui está um ponto de escolha importante, pois as taxas cobradas e as ferramentas disponibilizadas impactam diretamente na rentabilidade das suas operações.

Você poderá mudar de corretora depois, mas a reaprendizagem do uso de sistemas e processos demandará uma boa quantidade de tempo. Por isso, pesquise muito sobre as opções do mercado, teste mais de uma delas, se for possível, e só faça a sua opção definitiva quando estiver seguro na escolha.

Onde posso obter informações?

No mercado financeiro, informação é a alma do negócio. Se você montou uma carteira de ações de determinadas empresas, é preciso se manter informado sobre elas: notícias, balanços trimestrais, projeções do mercado e tudo o que afeta o desempenho da companhia e de suas ações.

Também é importante ter informações gerais sobre o mercado e a economia do país, bem como ler o que estão dizendo os analistas e demais agentes de mercado sobre isso.

Enfim, quanto mais bem informado você estiver, menor é a chance de ser pego de surpresa. Inclusive, a Nelogica também oferece diversos textos informativos — como este — para você, que quer começar a atuar no mercado financeiro.

Se gostou deste post e quer aprender mais ou sanar outras dúvidas, aproveite para assinar a nossa newsletter! Assim você recebe os próximos textos exclusivos no seu e-mail.